quinta-feira, 14 de outubro de 2010

A Importância do Diagnóstico Rural Participativo - DRP para as aldeias Tremembé de Acaraú


Diagrama de Venn




O documento que apresentamos neste blog é o resultado das informações obtidas a partir do Diagnóstico Rural Participativo – DRP realizado pelos técnicos do Instituto Carnaúba e do CRAS nas aldeias Tremembé de Queimadas e Telhas, município de Acaraú, no início do  ano de 2010. O objetivo de publicarmos este documento, é mostrar a importância estratégica do DRP e das metodologias participativas para o diagnóstico, planejamento e ação racional e organizada para a solução dos problemas das comunidades, objetivando a construção de modelos mais sustentáveis de produção econômica e de qualidade de vida para populações indígenas. Além disso, o DRP realizado nas aldeias Tremembé de Acaraú tem contribuído para pautar as ações e projetos desenvolvidos nas duas aldeias por diversas instituições parceiras, corroborando o que foi diagnosticado pelas próprias comunidades indígenas.

No caso específico dos Tremembé de Acaraú, através de dinâmicas, formação de grupos e dos posicionamentos colocados durante o processo de mobilização, foi possível identificar as prioridades das comunidades, bem como a importância e a participação efetiva de algumas instituições apontadas pelos participantes. Além disso, foi pontuado também os fatores que dificultam o desenvolvimento das aldeias, sejam eles internos ou externos.

Segundo Miguel Verdejo, o Diagnóstico Rural Participativo (DRP) é um conjunto de técnicas e ferramentas que permite que as comunidades façam o seu próprio diagnóstico e a partir daí comecem a autogerenciar o seu planejamento e desenvolvimento. Desta maneira, os participantes poderão compartilhar experiências e analisar os seus conhecimentos, a fim de melhorar as suas habilidades de planejamento e ação.

Além do objetivo de impulsionar a auto-análise e a autodeterminação de grupos comunitários, o propósito do DRP é a obtenção direta de informação primária ou de "campo" na comunidade. Esta é conseguida por meio de grupos representativos de seus membros, até chegar a um autodiagnóstico sobre o estado dos seus recursos naturais, sua situação econômica e social e outros aspectos importantes para a comunidade.

Veja aqui o DRP da Aldeia Queimadas

Veja aqui o DRP da Aldeia Telhas