sexta-feira, 29 de março de 2013

Lideranças Tremembé e equipe do Sesc/CE gravam documentário em Queimadas


Cacique João Venâncio falando
Uma comitiva formada pelo Cacique João Venâncio, o pajé Luís Caboclo e uma equipe de filmagem e documentação do SESC Ceará estiveram visitando a aldeia Tremembé de Queimadas para coletar informações, produzir imagens e depoimentos sobre a história e as práticas culturais (religião, gastronomia, medicina nativa, artesanato e práticas produtivas). 

Estas atividades fazem parte de um projeto que pretende produzir um documentário sobre as 14 etnias indígenas do Ceará. O longa-metragem será apresentado juntamente com o Almanaque dos Povos Indígenas do Ceará, publicação que tem a mesma finalidade do documentário. As duas produções serão exibidas no Festival Herança Nativa que será realizado entre os dias 17 e 19 de abril de 2013 na Praça do Ferreira, em Fortaleza.

Comunidade se reuniu para ouvir as lideranças Tremembé

Equipe de filmagem explicando sobre o documentário

Segundo João Venâncio, o evento objetiva mostrar pra sociedade cearense que existem índios no Ceará, fato que foi negado pela história oficial e pelo poder público. Além disso, o evento pretende mostrar a riqueza e diversidade de tradições culturais e etnoambientais dos povos indígenas do Estado do Ceará.

Para Luís Caboclo, é muito importante que os saberes e práticas tradicionais sejam documentados para que as novas gerações tomem conhecimento desta parte da história do Ceará, escrita e vivida pelos povos indígenas.

Pajé Luis Caboclo falando da importância do documentário

Os entrevistados em Queimadas foram Manoel Felix, João Felix, Cecídio e Júlio, que formam o grupo dos mais velhos da aldeia. Além destes, a equipe de filmagem entrevistou a pajé Marluce e visitou o centro de cura.
Everthon Damasceno e um grupo de mulheres, entre elas a pajé Marluce (de blusa rosa e colar)

Na ocasião da visita em Queimadas, as lideranças indígenas se surpreenderam com a diversidade de plantas cultivadas pelos Tremembé, a cobertura vegetal da aldeia e o sistema de manejo praticado pelos indígenas agricultores.

A comitiva também visitou a aldeia Telhas, mas até o momento ainda não temos registros e informações sobre a passagem da equipe por lá. Tão logo tenhamos informações divulgaremos aqui no blog.

O projeto é uma idealização do Cacique João Venâncio, Pajé Luis Caboclo e Paulo Leitão, gerente de cultura do SESC/CE.

Equipe de filmagem:
  • Henrique Dídimo, cineasta e diretor;
  • Vinícius Alves, som direto;
  • Ewerton Damasceno, pesquisador;
  • Alexandre, educador/historiador – SESC/CE
  • Alberto Cucqier, making of


Informações e fotos: Tiago Silva Bezerra